Dietoterapia Chinesa e o ganho ou a perda de peso

Dietoterapia Chinesa e o ganho ou a perda de peso


Ao entrar na sala para atender uma paciente, logo de cara a percebi com a face edemaciada. Conversando, ela me relatou que havia “ganho” inacreditáveis 7 quilos em menos de um mês. E o que ela achava mais estranho ainda é que a única coisa que estava fazendo de diferente era adotar uma dieta mais saudável, menos calórica, praticamente a base de saladas. "Como pode uma alimentação somente com saladas me fazer ganhar peso?" - perguntava ela. "Me sinto inchada", acrescentou.

Para a visão da Medicina Chinesa fica fácil entender o que estava acontecendo com a minha paciente. O Baço é o sistema energético responsável por transformar os alimentos em Qi dos Alimentos (Gu Qi). Além de regular os nossos Fluídos Corpóreos (Jin Ye) evitando que eles acumulem. Como sabemos todos os sistemas energéticos são formados por uma porção Yin e outra, Yang. O Yang do Baço é o responsável por estes processos, a velocidade do nosso metabolismo, função de transformação, e pelo transporte dos líquidos orgânicos evitando que estes acumulem.

Dieta Chinesa

Com uma dieta feita exclusivamente com saladas, a minha paciente provocou uma deficiência do Yang do Baço, pois os legumes e verduras ingeridos crus aumentam o yin e podem até levar a uma invasão de Frio ao Baço, caso seja feito por um longo período.

Então logo recomendei que refogasse os legumes, acrescentasse sopas e alimentos integrais para que o Yang do Baço seja tonificado, revertendo assim o quadro. Alimentos como quiabo, ervilha, erva-doce e mel são doces de natureza  quente, agem aumentando o Yang do Baço. Ao ponto que melancia, melão, banana e farinhas refinadas são doces de natureza fria, podendo agravar o quadro de deficiência de Yang.

Sempre é importante lembrar que precisamos  observar os hábitos alimentares de nossos pacientes, pois será inútil tentar tonificar um sistema, ou sedá-lo, caso o paciente esteja adotando uma dieta com efeito contrário. Por mais eficiente que seja a ação do ponto, ela será superada pelos estímulos contínuos derivados da alimentação que é diária, ao contrário do ponto que geralmente é estimulado semanalmente.

A referida paciente já estava bastante preocupada, pensando em fazer exames para descobrir o que estava acontecendo com seu organismo. Bastou mudar a sua alimentação para que seu organismo voltasse a funcionar plenamente.

Fonte: http://solinstituto.blogspot.com.br/2014/09/dietoterapia-chinesa-e-o-ganho-ou-perda.html

Atendemos a domicílio no conforto de sua residência, ligue agora e agende sua consulta:
(75) 3335.2290 ou (75) 98306.7689

Obs.: Os valores podem variar dependendo da localidade, ligue e consulte.

Comente isso! Comentar

  • Avatar de Kátia Silva
    por Kátia Silva dia 26/09/14 às 19:59

    Muito interessante essa matéria, se pararmos para pensar é isso mesmo, muitas pessoas acabam querendo fazer dietas somente com saladas e legumes frios, mas não buscam primeiro um profissional e nem o que cada alimento representa para o nosso sistema imunológico. Muitas vezes estamos comendo algo que nem sabemos para que serve, comemos porque é gostoso ou porque falam que é bom. Taí a dica, recomendo lerem as matérias que estão nesse site, muitas coisas interessantes.

    Responder